07 setembro, 2009

Quem é você?

Nos dias que antecederam o aparecimento de Jesus em seu ministério, havia um homem que provocou, no mínimo, alvoroço entre os judeus.Vestido de roupas com pêlos de camelo e usando cinto de couro, João Batista, alimentava-se de mel sivestre e gafanhotos e apareceu pregando no deserto da Judéia.Sua mensagem?Algo muito básico, rs:"arrependei-vos, porque é chegado a vós o reino dos céus".
As Escrituras nos contam que as pessoas iam até João, se arrependiam e eram batizadas.Seu ministério era um sucesso e sua fama rapidamente se espalhou.Um dia, esse homem foi questionado pelos sacerdotes e levitas: "quem é você?".João foi bombardeado de perguntas: És um profeta?És o Cristo?És Elias?Afinal de contas, que és tu?
Embora questionado, João não vacilou pois sabia quem era: "Eu sou a voz do que clama no deserto: Endireitai o caminho do Senhor, como disse o profeta Isaías".Sabia sobre seu ministério e também o que todo aquele que faz a obra do Senhor precisa saber: Jesus sempre será maior que um profeta e brilhará mais do que qualquer ministério daquele que foi enviado para anunciá-lo.Perguntas respondidas, lugares demarcados, João prosseguiu cumprindo a vontade de Deus, sem perder de vista quem era e qual era seu lugar no Reino.
A mensagem do céu de hoje é resumida exatamente na pergunta que fizeram a João, só que agora, direcionada a você que está lendo esse post: afinal de contas, quem és tu?Talvez você tenha sido alvo de leituras errôneas e equivocadas.Tenha recebido rótulos e, às vezes, se depara com pessoas te definindo pelo seu ministério, aparência física, gostos ou mesmo pela vida que leva.Entretanto, só você pode verdadeiramente falar de si mesmo.
É hora de pensar sobre quem você é diante do Senhor e de demarcar seu lugar no Reino de Deus.E da próxima vez que te fizerem essa pergunta, seja firme naquilo que o Senhor falar ao seu coração acerca da sua identidade nessa terra.
"E este é o testemunho de João, quando os judeus mandaram de Jerusalém sacerdotes e levitas para que lhe perguntassem: Quem és tu?E confessou, e não negou; confessou: Eu não sou o Cristo.E perguntaram-lhe: Então quê? És tu Elias? E disse: Não sou. És tu profeta? E respondeu: Não.Disseram-lhe pois: Quem és? para que demos resposta àqueles que nos enviaram; que dizes de ti mesmo?Disse: Eu sou a voz do que clama no deserto: Endireitai o caminho do Senhor, como disse o profeta Isaías.E os que tinham sido enviados eram dos fariseus.E perguntaram-lhe, e disseram-lhe: Por que batizas, pois, se tu não és o Cristo, nem Elias, nem o profeta?João respondeu-lhes, dizendo: Eu batizo com água; mas no meio de vós está um a quem vós não conheceis.Este é aquele que vem após mim, que é antes de mim, do qual eu não sou digno de desatar a correia da alparca.Estas coisas aconteceram em betânia, do outro lado do Jordão, onde João estava batizando"(João 1: 15-28).

Nenhum comentário: