08 fevereiro, 2009

Testemunho do Rubinho (2)

"A paz do Senhor seja convosco.
Bem, está é a segunda carta da série, e na passada eu falei um pouco sobre a primeira semana de Janeiro...as coisas vão andar mais rápido agora. XD
Como eu estava dizendo, subitamente fui lançado no meu primeiro campo missionário: o hospital.A última coisa que me lembro era de estar no pronto socorro de um hospital público no subúrbio do Rio, não conseguia enxergar (devido ao inchaço) e estava a caminho de uma sala para observação.
UMA SEMANA DEPOIS acordo do mais louco dos sonhos para entrar em um dos piores pesadelos... os sedativos me deixavam desnorteado... eu estava com muita fome e não entendia por que por mais que eu gritasse ninguém me atendia...Amarrado, com um furo no pescoço e uma máquina conectada a ele, mal conseguia enxergar e me mexer também; era um desafio.
Foi assim que acordei na UTI do Quinta D'Or.
Demorou um pouco até eu finalmente entender o que se passava e muito mais para me acostumar com a idéia de estar em uma UTI (até hoje me sinto mal quando penso naqueles dias).
Mas foi lá, que eu tive de aprender a ser humilde, a ser cuidado por outros, a depender (nada mais desconfortável do que a dependência de outros para limparem seu bum bum depois de fazer cocô), aprendi também o valor da família, de ter a mãe e a vovó do lado, do Corpo de Cristo que me sustentou o espírito com suas orações...
Certa noite eu não conseguia dormir... minha avó e minha mãe já tinham ido embora pois dormiam na casa de uns irmãos lá do Rio, daí eu chamei uma enfermeira e pedi uma bíblia.
Por um momento ela não entendeu, literalmente, mas após algumas tentativas ela se propôs a procurar; e ela acabou por encontrar uma com outra enferrmeira, esta guardava uma bíblia em seu carro pois já havia frequentado a igreja, daí ela me emprestou, mas eu não conseguia ler.
Os remédios e uma semana de sedativos me deixaram com um problema na focalização da minha visão... daí eu pedi pra enfermeira ler pra mim, se não fosse atrapalhá-la, e ela então começou a ler. pedi que lêsse ATOS... naquela noite fomos até o capítulo 9 e assim lemos todas as noites depois que todos os outros doentes dormiam e eu ficava acordado com insônia.
Bem, com o passar dos dias fiquei conhecido como: "tigre de Deus" ou o "menino da Bíblia"... alguns enfermeiros mesmo sem ouvir sobre mim nem me conhecer perguntavam de cara se eu era evangélico... diziam que eu emanava algo diferente.
Minha avó (Lídia) e minha mãe (Vanêssa) também não perderam tempo falavam do amor de Deus e da salvação em Jesus Cristo a todos os que passavam pela minha cama, e até mesmo para os pacientes dos outros leitos, com músicas, testemunhos e amor, principalmente AMOR.
A nossa passagem por lá de certo não foi por acaso, muito menos em vão, ao todo foram 11 dias na UTI.Por fim saí da UTI, passei mais 5 dias internado no hospital sob observação com minha mãe, mas já sem a minha vovó, e pude ver o que Deus fez...4 pessoas voltaram para Jesus (duas delas foram as enfermeiras da noite em que pedi a bíblia)3 ou + se converteram (duas faxineiras que foram tocadas pela fé da minha mãe e da minha avó e pelo milagre em minha vida e ainda um outro paciente da UTI chamado Manoel acometido por um problema pulmonar, vive pelas máquinas e já não saia da UTI a um ANO!), e com certeza mais um bocado de outras pessoas foram movidas pelo que Deus fez na minha estada lá naquele hospital... enfermeiros, fisioterapeutas, médicos, auxiliares todos maravilhados com o poder de Deus de tirar um menino da cova para que se cumpram Seus planos retos e verdadeiros.
Deus foi Fiel. Com sempre. Me deu forças e eu consegui sair daquela...eu pensava ser o fim, mas era só o começo.Peço desculpas pela demora na continuação, firmo um compromisso de escrever toda semana continuando de onde parei.Obrigado pela paciência e pelas orações.
Rubinho
'Não atentando nós nas coisas que se vêem, mas nas que se não vêem; porque as que se vêem são temporais, e as que se não vêem são eternas.' (2Co 4.18)"

2 comentários:

Eveline disse...

Oiii

Já viu então no meu blog o presentinho para você? Vai lá!

Bjnhs

Priscila Macêdo disse...

Oiii =)

Lembrei q ainda não linkei vc ao meu blog pessoal... Comé q podi! kkkkkk

Por isso q tô aqui... Pra avisar q estou te linkando, ok? ^^

DTA
=**