14 junho, 2008

Confio em Teu amor-DT 11

Mesmo quando não posso entender
Minhas lágrimas me impedem de Te ver
Teus caminhos são mais altos que os meus
Teus mistérios mais profundos do que eu
Te adoro, Senhor
Calo meu coração e me prostro
Te adoro, Senhor
No dia mau quero proclamar
Confio em Teu amor que não mudará
Nem mesmo a morte pode me separar
Do Teu cuidado e proteção
Mesmo quando não Te vejo sei que Tua mão me sustenta
Não temerei más notícias
Mesmo no vale da sombra da morte
Comigo Tu estás
Meu socorro bem presente na angústia

2 comentários:

vitor disse...

Declarar que confiamos no amor de nosso Pai celeste e uma coisa que eu creio que agrada muito ao seu coraçao. essa cançao nos convida a dizermos que a cada dia confiamos nele e em seu amor, porque um filho nos nasceu e o filho se nos deu e isso foi a maior expresao de amor por todos nós.

Seminário disse...

Muito interesante seu post,que Deus possa continuar lhe abençoando.Parabéns!!!!
Seminario Internacional Teologico de São Paulo